Não é amor, é outra coisa

“Seremos todos, de fato, incapazes de amar e de inspirar amor? Então a pessoa é só…” (Osho)

Já parou para pensar se tudo o que você diz que é amor realmente é amor? Às vezes é um misto de apego, raiva, desamor, carência, egoísmo… e por aí vai…

Chamamos de amor o medo de ficarmos sozinhos.

Chamamos de amor o apego.

Chamamos de amor a posse que queremos ter sobre o outro.

Chamamos de amor o nosso ego inflado.

Chamamos de amor um jogo que construímos de enganar a si mesmo.

Chamamos de amor o egoísmo de querer manter a todo custo a pessoa ao nosso lado, seja em qual situação for, mesmo que o outro esteja sofrendo.

Exemplos disso: incontáveis! A esposa que por egoísmo prefere o marido “vivo” em uma cama de UTI, sem perspectiva de melhora alguma (se é que podemos chamar isso de vida?); um amigo, que mesmo machuado, insiste em manter uma amizade que não existe mais; uma mulher, que por medo de ficar só, insiste em manter um relacionamento abusivo… e por aí vai!

Tenho certeza que você, leitor, também tem um exemplo pra dar…

A grande maiorira das pessoas não é corajoso o suficiente para se permitir estar só e então amar de verdade. Busca-se apego (muitas vezes, patológico), escravidão, compromisso enganoso, ter posse do outro ou que o outro tenha posse de nós.

“Dentro de você, o seu próprio ser está tão ausente, que você tenta se apegar a qualquer coisa a fim de se sentir a salvo.” (Osho).

Amor é puro, é livre de egoísmo, é liberdade, é leveza, é construção, é transformação, é ser grato, é alma leve…

Se é pesado, se machuca, não é amor! É outra coisa!

“Quando seu amor começa a fluir, você percebe, de repente, que o amor está fluindo em toda parte, que esta vida consiste de amor, que a existência é feita da substância chamada amor”. (Osho)

 

Rita Medeiros
Psicóloga
Especialista em Terapia de Família e Sistêmica
ritamed28@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: