Cada um tem o seu caminho

Muitas vezes sofremos com tentativas de nos enquadrar no tempo e caminho dos outros.
Falaram-nos que aquele caminho era bom, talvez o único;
E então vivíamos tentando nos moldar ao mesmo.
À custa de muito sofrimento.
Com o passar do tempo amadurecemos,
E começamos a perceber que as pessoas têm tempos e caminhos diferentes.
Nem melhores ou piores,
Mas diferentes.
Temos o nosso tempo e o nosso caminho.
Ele é único e singular, assim como cada um de nós.
Dessa forma, não podemos nos medir com a régua do outro.
Isso não é justo conosco e também não é saudável.
É como fazer caber um sapato que não cabe no nosso pé.
Não dá para forçar.
Se forçar, vai doer, vai ferir, vai sangrar.
É um caminho de sofrimento esse da comparação e da padronização.
Não somos iguais.
Se somos tão diferentes, por que devemos ter os mesmos caminhos?
Não, não devemos.
A vida é cheia de possibilidades.
Não há o caminho ou um único caminho, mas vários e diferentes caminhos.
Há o caminho de cada um.
Aquele que faz sentido.
O caminho que tem alma.
O que passar disso é sofrer.

Erica Fontenele Costa Lima
Psicóloga CRP-11/13317
IG: @ericafontenele.psicologa
E-mail: ericafontenele@yahoo.com.br
Imagens: PixaBay

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: