A solidão é sentida porque estamos sozinhos?

A solidão tem 2 polos: há os que se desesperam por se sentirem sozinhos e há os que acolhem e abraçam a solidão de forma positiva.
Eu explico: os que acolhem de forma positiva, aproveitam a solidão para se fazer companhia, para descansar, fazer algo que gosta, sentir-se confortável consigo mesmo, abrir ideias a criatividade, colocar os pés pra cima, ouvir uma música, dentre outras infinidades de coisas que se pode fazer quando se está sozinho.
Os que enxergam a solidão de forma negativa, podem estar rodeados, mas a solidão ali é interna. O vazio dentro de si é o que faz sentido no momento. Um abraço, um sorriso, um aconchego… nada, tudo é sentido como vazio, frio e distante… aconchegar-se parece impossível!
E a solidão tortura, assombra, tornam as noites desesperadoras… o escuro vai se alastrando e nos fechamos para o mundo!
É preciso deixar amanhecer para o sol entrar, pra sentir-se acolhido, amparado pela própria solidão dentro de si.
Ela não está aí à toa!
Ela não é má!
Ela não está aí para te fazer sofrer!
Ela está aí pra fazer você se enxergar!
Sentem-se frente a frente, tenham uma boa e sincera conversa.
Nem que dure toda uma noite, mas permita-se amanhecer.
A solidão ocorre quando estamos sozinhos por dentro, não por fora. Quando nos acorrentamos em nossos próprios nós, nos sufocando num ciclo cada vez mais difícil de sair.
Permita que o sol entre, aceite sua própria companhia, permita-se a sentir!
A vida é isso: sentir, sentidos…
Nem tudo faz sentido, mas tudo nos faz sentir!
Aprecie sua companhia!

Suzanne Leal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: