O luto e a não empatia

"Não fique triste, não chore, isso vai passar" Essa é a frase mais comum que ouvimos alguém dizer quando alguém está triste. Sabemos que a dor ameniza, que conseguimos voltar a sorrir e a dar continuidade a vida. Mas para a ferida sarar é preciso doer, sangrar... para superarmos o luto, precisamos vivenciá-lo, viver cada... Continuar Lendo →

Como as trilhas sonoras influenciam o cérebro

Por que nós gostamos de música triste? Como a música influencia a internalização de mensagens? A música é uma linguagem universal. Ele é capaz de evocar memórias, despertar sentimentos e até mesmo nos ajudar em momentos difíceis. É por isso que é um elemento de grande impacto no mundo cinematográfico. Quem não se lembra da... Continuar Lendo →

O rancor e o luto

Passamos a vida falando mais de raiva do que de amor; apontando e criticando, mais do que elogiando; falando do outro, mais do que falando com o outro. Há muito tempo escuto (e cada vez mais tenho certeza) que só temos o presente e que esta devia ser nossa filosofia de vida, viver o presente.... Continuar Lendo →

Pelo quê você é grato?

De acordo (McCullogh, 2001) "a gratidão é definida como uma virtude moral que denota bom comportamento". Com a rotina do dia a dia, é comum nos focarmos em coisas negativas, fazendo com que deixemos de olhar pequenas coisas importantes nas nossas vidas. O sentimento de gratidão traz mudanças benéficas ao nosso corpo, fortalece o sistema... Continuar Lendo →

Por quê buscamos a aprovação do outro?

Ter a necessidade de pertencermos a um grupo faz parte da natureza humana, por isso, buscamos tomar determinadas atitudes para fortalecer os laços nos grupos que estamos inseridos. No entanto, quando há uma necessidade extrema que nos anula como pessoa, passa a não ser saudável e prejudicamos a nós mesmos. Quando buscamos incessantemente a aprovação... Continuar Lendo →

WordPress.com.

Acima ↑